Janeiro de Grandes espetáculos 2015

 

Mais um janeiro chegou com grandes espetáculos, é que o festival Janeiro de Grandes Espetáculos começa dia 14/01/15 e vai até o dia 01/02/15!!!! E nós, é claro que trouxemos toda a programação para vocês. Confiram e já agendem os preferidos para não perder nada!!! É teatro para toda a família!!

 

Programação Infantil em Recife:

 

 

A ENERGIA DE UM POLEGAR, com a Cia. do Sol (Recife/PE)

Dia: 17 e 18 de janeiro de 2015 (sábado e domingo)

Local: Teatro Valdemar de Oliveira

Hora: 16:30h,

Ingresso: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

 

Nessa mistura de teatro, TV, cinema e show, Polegar é um garoto órfão que parte em busca de reencontrar sua família e descobrir seu nome verdadeiro. No caminho, dá de cara com o mal humorado Rey e os dois, numa aventura quase mágica, vão parar no espaço sideral, conhecendo personagens estelares incríveis como uma Estrela desejosa que vive a pedir coisas ao cosmos. Os figurinos usam tecnologia LED e a cenografia é cheia de recursos visuais.

 

 

AS TRAVESSURAS DE MANÉ GOSTOSO, com a Cia. Meias Palavras (Recife/PE).

Dia: 18 de janeiro de 2015 (domingo)

Local: Teatro Marco Camarotti (SESC Santo Amaro)

Hora: 10:30h e 16:30h

Ingresso: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

Indicação: a partir de 6 anos.

 

Uma brincadeira inspirada na oralidade e nos contos populares que mistura música ao vivo, bonecos e atores para contar as estripulias de um dos brinquedos da nossa herança cultural: Mané Gostoso. Nesta história ele é um mutreteiro, inventador de causos, que vive tranquilo sua vidinha na cidade de Boitibóia até a chegada de um Forasteiro que o desafia. Nessa disputa pelo amor e a sobrevivência até os atores jogam com o público na escolha de quem viverá o papel do Mané Gostoso. Criando, a cada dia, um espetáculo diferente cheio de surpresas, humor e poesia. Essa travessura teatral é resultado da pesquisa continuada da Cia Meias Palavras na oralidade, na literatura e nas linguagens teatrais.

 

 

MANÉ GOSTOSO, com o Centro de Criação Galpão das Artes (Limoeiro/PE)

Dia: 24 de janeiro de 2015 (sábado)

Local: Teatro Marco Camarotti (SESC Santo Amaro)

Hora: 16:30h

Ingresso: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

*No hall do teatro, com a exposição “Mané Gostoso e o Vai e Vem do Lúdico”, de brinquedos populares.

 

A história gira em torno de um dono de circo chamado seu Neco, que ao lado de sua esposa, dona Lucrécia, promovia a alegria da criançada. Até que um homem de aparência bizarra rouba a maior atração do circo: o Mané Gostoso. Seu Neco, então, vai à delegacia chorando de desgosto pelo súbito desaparecimento. A sorte é que crianças juntam-se ao delegado na busca do tão querido brinquedo.

 

 

TRUEQUE, com a Cia. Animée/As Levianas (Recife/PE)

Dia: 25 de janeiro de 2015 (domingo)

Local: Teatro Marco Camarotti (SESC Santo Amaro)

Hora: 16:30h

Ingresso: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

 

No divertido enredo, quando as palhaças Tan Tan e Mary En chegam para o “Trueque” (palavra em espanhol que significa “troca”), muita coisa acontece. Ambas atuam em hospitais e daí nasceu o desejo de trazer para o teatro um pouco do que a memória corporal e afetiva guardam, momentos de graça e beleza como suporte dramatúrgico. A música é uma ferramenta para compartilhar de forma lúdica e divertida cenas inspiradas nesta experiência.

 

 

O CIRCO DE LAMPEZÃO E MARIA BOTINA, com a Caravana Tapioca (Recife/PE)

Dia: 30 de janeiro de 2015 (sexta)

Local: Shopping RioMar

Hora: 17:00h

Ingresso: gratuito

 

Os palhaços Cavaco e Nina contam a história de um casal anônimo do sertão: Maria Botina, que sonhava em ser levada por um cangaceiro; e Lampezão, que fingia ser valente para impressioná-la. Em meio a muitas trapalhadas nessa conquista, os dois tocam música ao vivo, fazem malabarismo com baldes, mágica e número com chicotes, entre outras habilidades. Dedicado a toda a família, este encantador espetáculo de circo-teatro mescla técnicas circenses com uma dramaturgia épica e atual, permeando as diversidades culturais do sertão e agreste brasileiro.

 

 

COMO A LUA, com a Mambembe Produções Artísticas (Recife/PE)

Dia: 31 de janeiro de 2015 (sábado)

Local: Teatro Marco Camarotti (SESC Santo Amaro)

Hora: 16:30h

Ingresso: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

Indicação: a partir de 5 anos.

 

Oito atores em cena interpretam, cantam e tocam ao vivo nesta obra que, em meio a brincadeiras de crianças, trata de temas delicados como o amor não correspondido entre o índio Payá, que não é bravo guerreiro nem bom caçador, e a índia Colón (já que o Deus do Amor, Rudá, quis brincar com o coração do indiozinho), abordando ainda a descoberta da sexualidade, a perda e a morte, mas também a capacidade de mudar. Tudo isso com trilha sonora ao vivo, muito bom humor e poesia. “Tudo que nasce, morre. E tudo que morre, torna a nascer. Como a lua”.

 

 

AS LEVIANINHAS EM POCKET SHOW PARA CRIANÇAS, com a Cia. Animée (Recife/PE)

Dia: 31 de janeiro de 2015 (sábado)

Local: Shopping RioMar

Hora: 17h

Ingresso: gratuito

 

A banda de palhaças As Levianas canta e toca ao vivo um repertório especialmente para as crianças. Com canções como La Vaca Lola, O Sapo Não Lava o Pé e o repertório de Alvin e os Esquilos, as quatro palhaças constroem o show a partir do humor leve e irreverente. Entremeado de gags, trapalhadas e interações, Aurhelia, Baju, Mary En e Tan Tan entram no palco e aos poucos subvertem a ordem no sentido de que a boa desordem é sempre bem vinda!

 

 

KALABAZI, com a Companhia Tita8lou (Genebra/Suíça)

Dia: 30 de janeiro (sexta) e 01 de fevereiro de 2015 (domingo)

Local: Shopping RioMar (30/01) e Pátio do Parque Dona Lindu (01/02)

Hora: 19:00h (30/01) e 16:00h (01/02)

Ingresso: gratuito

 

Através da poesia do humor, eis a história de uma jovem mulher quer se casar, mas não com qualquer João Ninguém! Ela, então, organiza um concurso de amor para encontrar, no público, a pessoa perfeita. Dois felizes candidatos passarão por provas depois dela seduzi-los executando acrobacias na sua bicicleta amarela. A última prova, a secreta, será a decisiva. O espetáculo já foi presentado em 24 países e traduzido para oito idiomas e 23 dialetos. A Companhia Tita8lou desenvolve espetáculos de teatro, clown e circo pelo mundo inteiro, seja em teatros, na rua, em lonas e ou em cabarets.

 

 

HARU – A PRIMAVERA DO APRENDIZ, com a Rapha Santacruz Produções Artísticas (Recife/PE)

Dia: 01 de fevereiro de 2015 (domingo)

Local: Teatro Marco Camarotti (SESC Santo Amaro)

Hora: 16:30h

Ingresso: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

 

Em uma barraca de feira livre, um jovem mágico busca orientação de um mestre. Descortinando um universo de mistérios e sem que ele perceba, cada ação que se desenrola é uma lição e um teste de magia ao mesmo tempo. Sem uso de texto falado, o espetáculo propõe um diálogo poético onde teatro e ilusionismo tecem uma trama lúdica. Nesse aprendizado que vai além das palavras, a ilusão é a verdade absoluta.

 

 

OS TRÊS PORQUINHOS, com Pedro Portugal e Paulo de Castro Produções Artísticas (Recife/PE)

Dia: 01 de fevereiro de 2015 (domingo)

Local: Teatro de Santa Isabel

Hora: 17:00h

Ingresso: R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia)

 

Em cartaz desde 1992 ininterruptamente, este divertido musical infantil mostra as aventuras de três porquinhos, Prático, Cícera (sim, há uma porquinha!) e Heitor, às voltas com um terrível e faminto Lobo Mau, mestre em disfarces. Numa floresta onde fantasia e realidade confundem-se, enquanto Prático, o mais sensato dos três, constrói sua casa com tijolos e cimento, seus irmãos, Cícera e Heitor, de tanta preguiça, levantam casas de palha e madeira. A trama mostra que viver sem pensar no futuro pode trazer desconforto e vários problemas.

Festival de Teatro

Esta semana começa o 16º Festival Recife do Teatro Nacional, será uma semana repleta de bons espetáculos teatrais para a família! Serão 18 espetáculos espalhados pela cidade, em teatros e espaços públicos. As apresentações em espaços abertos serão gratuitas!

 

Confiram a programação, a sinopse e se organizem para prestigiar o evento!

 

 

SINOPSE DOS ESPETÁCULOS:

 

1 – Os Gigantes da Montanha (Grupo Galpão/MG) – A fábula “Os Gigantes da Montanha” narra a chegada de uma companhia teatral decadente a uma vila mágica, povoada por fantasmas e governada pelo Mago Cotrone. Escrita por Luigi Pirandello, a peça é uma alegoria sobre o valor do teatro (e, por extensão, da poesia e da arte) e sua capacidade de comunicação com o mundo moderno, cada vez mais pragmático e empenhado nos afazeres materiais.
Local: Sítio TrindadeDuração: 1:20hGRATUITO

 

2 – De Íris ao Arco-Íris (Produtores Independentes/PE) – A montagem conta a história da lagarta Íris, muito curiosa, que faz de tudo para chegar ao Reino Encantado. Nesse seu caminho, a personagem vai encontrar muitos obstáculos, mas não vai desistir. É uma história baseada na perseverança. O espetáculo foi pensado para contemplar também as crianças surdas, como se fosse cinema de animação: não há falas e o roteiro não necessariamente segue uma lógica linear. A trilha sonora composta pelo músico Júlio Morais, não tem como objetivo contar a história.
Local: Teatro Marco Camarotti (SESC Santo Amaro)Duração: 50 min.INGRESSOS: R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia)

 

3 – As Levianinhas em Pocket Show para Crianças (Cia Animée/PE) – O espetáculo da Cia Animé traz no elenco as atrizes-palhaças Enne Marx (Mary En), Juliana de Almeida (Baju), Nara Menezes (Aurhelia) e Tâmara Floriano (Tan Tan) com músicas para todas as idades e muitas trapalhadas garantindo boas risadas para o público. Além disso, a peça conta com o recurso de tradução em libras.
Local: Teatro Hermilo Borba FilhoDuração: 1:00 h – INGRESSOS: R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia)

 

4 – Luiz Lua Gonzaga (Grupo Magiluth/PE) -  Um projeto que tem apoio da Funarte. Osseis  meninos do Grupo Magiluth chamaram os músicos Pedro Cardoso e João Tragtenberg, este último um catarinense que viajou a Pernambuco para aprender a tocar sanfona com o Mestre Camarão. Pedro Vilela, diretor da montagem, prefere a palavra celebração a espetáculo. Um dos charmes é um boneco manipulado pelo elenco, criado pelo ator Lucas Torres para remeter à tradição das feiras populares. A obra não é um relato enciclopédico.
Local:Sítio Trindade, Bomba do Hemetério e CoqueDuração: 50 minutos – GRATUITO

 

5 – Acontecimento em Vila Feliz (Cia. Pierrot Lunar/MG) – Acontecimento em Vila Feliz revela uma fictícia vila mineira, que se vê às voltas com a suposta gravidez de uma de suas personagens mais ilustres e controversas: Helena, jovem bonita e sedutora, amada pelos homens da cidade e invejada pelas mulheres, casa-se com um forasteiro, gerando intrigas e maledicências por parte dos moradores, transformando sua vida num caos irreversível. Utilizando o recurso da ironia, Aníbal Machado compõe, a partir de um microuniverso, um painel da vida em sociedade, explorando as singularidades da cultura mineira, seus tipos, hábitos, costumes e comportamento.
Local: Sítio Trindade, Bomba do Hemetério e CoqueDuração: 55 minutosGRATUITO

 

6 – Cafuringa (Grupo Cafuringa/PE) – A peça homenageia o ventríloquo Rubens Martins, conhecido como Mestre Cafuringa. O artista, que comercializava garrafadas pelas ruas do Recife, ficou conhecido por divertir os transeuntes com seu boneco Joãozinho durante as décadas de 1980 e 1990. Em 2000, a Igreja e a Polícia Militar o expulsou do Pátio do Carmo, junto com os camelôs e prostitutas que ocupavam o local.
Local: Sítio Trindade, Bomba do Hemetério e Coque - Duração: 1:00h – GRATUITO

 

7 – O Menino da Gaiola (Bureau de Cultura e Turismo/PE) – O enredo de “O menino da gaiola” conta a história de Vito, um menino órfão de nove anos que, inspirado na criação de pássaros do seu tio Efúvio, resolve sair pelo mundo acompanhado apenas de uma gaiola e com uma pergunta na cabeça: “Você tem algum sonho preso?”. A partir daí ele começa a anotar os sonhos das pessoas que vai encontrando pelo caminho com o objetivo de “soltar” esses desejos para que “voem” pelo mundo. A avó do garoto, Dona Erundina, teme os perigos que Vito possa enfrentar ao desbravar o mundo.
Local: Teatro Barreto JuniorDuração: 50 minutos – INGRESSOS: R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia)

 

8 – Coisas do Mar (Grupo Teatral Ariano Suassuna/PE) - O Capitão navega com sua tripulação em alto mar, para procurar o tesouro perdido, porém a busca pelo tesouro é interrompida por situações inesperadas, que colocam o Capitão e todos os marujos em situações perigosas, em meio a tantos perigos o tão venerado e valente Capitão é devorado pelo mar e deixa seus piratas em apuros. A partir daí toda tripulação terá que aprender a viver sem seu grande líder.
Local: Teatro Apolo - Duração: 50 minutos – INGRESSOS: R$10,00 (inteira) e R$5,00 (meia)

 

 

SERVIÇO
Ingressos:
Teatros: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia entrada). Os espetáculos de rua são gratuitos.
Endereços:
Teatro Barreto Júnior
Endereço: Rua Estudante Jeremias Bastos, s/n, Pina
Telefone: 81. 3355-6398 / 6399
Teatro Apolo
Endereço: Rua do Apolo, 121, Bairro do Recife
Telefone: (81) 3355-3320 / 3321
Teatro Hermilo Borba Filho
Endereço: Cais do Apolo, s/n, Bairro do Recife
Telefone: (81) 3355-3320 / 3321
Teatro Marco Camarotti – (SESC Santo Amaro)
Endereço: Rua do Pombal, s/nº, Santo Amaro
Telefone: (81) 3212-1728
Festival Palco Giratório – SESC

Durante todo o mês de maio, a partir do dia 03 teremos a 7ª Edição do Festival Palco Giratório 2013 – Serão 46 espetáculos, vindos de vários estados, sendo eles para o público adulto e infantil.  Os espetáculos serão encenados de terça a domingo em seis teatros da cidade (Marco Camarotti, Capiba, Barreto Júnior, Hermilo Borba Filho, Apolo e Santa Isabel), a preços populares. Haverá ainda apresentações gratuitas nas praças do Campo Santo, em Santo Amaro, e do Carmo, no bairro de Santo Antônio, e na esplanada do Parque Dona Lindu.

 

Confiram a programação comFaixa etária Livre e Bom espetáculo!

 

 

05/05/13 às 16:00h – O CIRCO DE LAMPEZÃO E MARIA BUTINA – Local: Teatro Marco Camarotti – Gênero: Comédia / Circo – Duração: 50 min

Sinopse: Cavaco e Nina contam a história de um casal anônimo que viveu no sertão: Maria Botina, que sonha em ser levada por um cangaceiro; e Lampezão, que finge ser valente para impressioná-la. Em meio a muitas trapalhadas nessa conquista, os dois tocam música ao vivo, fazem malabarismo com baldes, mágica, número com chicotes, entre outras habilidades circenses.

 

 

05/05/13 às 16:00h – AMOR POR ANEXINS -Parque Dona Lindu (Área Externa) – Gênero: Teatro de rua – Duração: 45 min

Sinopse: Três atores, com figurinos de época e pernas de pau contam a história do velho asqueroso solteirão Isaías, que tenta conquistar a viúva costureira Inês fazendo uso de anexins (ditados populares e provérbios). Desiludida com o ex-noivo, que rompe o compromisso por carta depois de encontrar outra mulher em melhor situação financeira, ela resolve enfrentar o velho rabugento também por conta do dinheiro. Para que Isaías ganhe a mão de Inês, ele é desafiado a não falar anexins durante meia hora. A história é costurada pelo mestre de pista, papel criado para abrir e fechar a peça, fazer a sonoplastia e a contrarregragem cênica.

 

 

05/05/13 às 19:00h – OBJETO GRITANTE – Teatro Barreto Junior – Gênero: Dança- Duração: 55 min

Sinopse: O tema deste trabalho está diretamente relacionado à questão do ofício do artista das artes cênicas, sobretudo na relação com o corpo e a utilização das máscaras sociais. A Cia. Mauricio de Oliveira & Siameses, do coreógrafo Mauricio de Oliveira, mergulha com esse trabalho em um diálogo sobre as razões pelas quais os artistas insistem em defender o valor de estarem despindo-se cotidianamente diante de outros indivíduos, em busca de uma razão primordial de existência. Este trabalho é resultado de uma parceria com Duda Paiva, artista brasileiro radicado na Holanda e um dos grandes nomes do teatro de objetos europeu.

 

07/05/13 às 16:00h - LA PERSEGUIDA – Praça do Campo Santo – Gênero: Teatro de rua – Duração: 60 min

Sinopse: La perseguida foi criado a partir de números clássicos (gags) de grandes palhaços e é diversão garantida para todas as idades! Melancólico, dócil e cruel, Rabito espera pelo grande amor de sua vida em meio a números de “acrobacia”, “malabarismo” e “equilibrismo”. O espetáculo é nutrido pelo improviso, criando armadilhas para o público aventurar-se em uma vivência intensa e comovedora ao lado do Palhaço Rabito – “que revoluciona a vida ao transformar a espera num momento simbólico e imprevisível”. Visto por mais de 35.000 pessoas desde sua estréia em 2009, La perseguida é um espetáculo muito bem acolhido pelo público. Realizou apresentações em diversos estados brasileiros, Colômbia e Uruguai; e em várias aldeias indígenas com o Prêmio Funarte Artes na Rua 2011. “Rabito devolve ao mundo o que a modernidade lhe roubou: a imaginação criadora e a capacidade de reencantar a vida”. (Lisandro Moura, sociólogo)

 

07/05/13 às 19:00h – O ALFAIATE DE LIVROS – Teatro Capiba – Gênero: Dança – Duração: 20 min

Sinopse: Em “O Alfaiate de Livros”, o artista faz um retrato autobiográfico de seu encontro com o universo da leitura. Filho de um bibliotecário e encadernador de livros, Bastos conviveu com bibliotecas durante toda a infância e brincava com as letras, antes mesmo de entender seu significado.O solo faz parte da pesquisa sobre o cruzamento entre manifestações populares brasileiras, tecnologia e técnicas contemporâneas de teatro e dança. No trabalho, é usado uma vídeo-cenografia, cujas relações entre as projeções e o solista apontam para um duo virtual.

 

09/05/13 e 23/05/13 às 16:00h – A PEREIRA DA TIA MISÉRIA – Praça do Carmo - Gênero: Teatro de rua – Duração: 50 min

Sinopse: A Fome personificou-se em uma criança nascida da Miséria que todas as pessoas temem, separou-se de sua mãe e, desde então, percorre o mundo, trazendo o sofrimento a todos. O ser humano, naturalmente, conhece a Fome, porém é sempre preferível saciá-la e não imaginar o que pode acontecer se ela chegar a seu ponto extremo. A Morte, tão temida por todos, é a melhor saída para um mundo em que novas possibilidades não param de nascer. Tia Miséria, no dia em que deveria morrer, engana a Morte, que acaba ficando presa em sua árvore e, em um acordo feito diante do olhar de todos, Tia Miséria decide viver, ingenuamente procurando pelo seu filho para, só então, deixarem este lugar que nunca os quis.

 

11/05/13 e 12/05/13 às 16:00h – O PÁSSARO DO SOL – Teatro Marco Camarotti  – Gênero: Teatro de Sombras – Duração: 50 min

Sinpose: Adaptado da mitologia indígena brasileira pela escritora baiana Myriam Fraga, o texto narra a história de um jovem que é transformado em pássaro para ir ao céu roubar as chamas do palácio do sol. A encenação utiliza o teatro de sombras, antigo gênero de animação que tem na China uma das mais antigas tradições.

 

17/05/13 às 16:00h – A SAGA AMOROSA DOS AMANTES PÍRAMO E TISBE – Praça Campo Santo – Gênero: Comédia farsesca – Duração: 50 min

Sinopse: Uma companhia de teatro tem a incumbência de apresentar para o rei e a rainha um espetáculo que reúna amor e comédia. Por isso, encena um amor impossível entre Píramo e Tisbe, de famílias rivais, que combinam uma fuga para viver seu amor. O decorrer dos fatos, entretanto, resulta num mal entendido cômico. A peça é um fragmento de “Sonho de uma noite de verão”, uma paródia de Shakespeare à sua obra mais conhecida “Romeu e Julieta”, misturando-a à trágica lenda grega do mesmo nome.

 

18/05/13 e 19/05/13 às 16:00h – DE ÍRIS AO ARCO-ÍRIS – Teatro Marco Camarotti – Gênero: Teatro de Sombras – Duração: 50 min

Sinopse: Uma lagarta muito curiosa, chamada Íris, sonha em morar em um lugar onde possa encontrar as respostas para os seus questionamentos. Certo dia, ao se transformar em uma borboleta de cores exuberantes, aparece de surpresa na festa de aniversário do rei do Jardim Sereno de Manhãzinha, Muito Calor à Tardinha, e, por não se submeter aos caprichos desse truculento soberano, é expulsa do jardim. Íris, parte, então, em uma jornada solitária em busca das tão desejadas respostas.

 

19/05/13 às 16:00h – AS AVENTURAS DE UMA VIÚVA ALUCINADA – Parque Dona Lindu (área externa) – Gênero: Teatro de bonecos – Duração: 45 min

Sinopse: O texto é do mestre e mamulengueiro pernambucano Januário Oliveira. O espetáculo conta a história de uma viúva que, tendo perdido seu marido, está com dificuldade para criar seus três filhos. Ela recorre ao compadre cheiroso, que promete ajudá-la dando emprego, com interesse em conquistá- la. Nesse interim, surgem vários pretendentes, entre eles o diabo, que no decorrer da trama leva a viúva e o filho para o inferno. Cheiroso enfrenta o diabo, vence a batalha e traz de volta os dois. Toda a dramaturgia é floreada com muita música, dança e sátiras do nosso cotidiano.

 

21/05/13 Às 16:00h – BALDROCA – Praça Campo Santo – Gênero: Teatro de rua – Duração: 60 min

Sinopse: Baldroca narra a saga de Manê Fulô contra o valentão do lugar, Targino. Prestes a casar com Maria das Dores, Mané tem seu casamento ameaçado pelo valentão. Sem saída, ele é obrigado a enfrentá-lo. Mas Mané contará com uma ajuda extra para o desafio, mesmo com a ameaça de perder seu maior bem. O espetáculo é uma livre adaptação de Abides de Oliveira do conto Corpo Fechado, do livro Sagarana, de João Guimarães Rosa.

 

21/05/13 às 19:00h – COMPARTILHADOS – Teatro Marco Camarotti – Gênero: Dança – Duração: 50 min

Sinopse: Deixando emergir a trama de uma história pessoal, corpos se tornam a memória coletiva desta obra coreográfica, partilhando momentos e traduzindo experiências. Os interpretes se deslocam no espaço de tempo, atravessando épocas, conectando falas de uma infância passada numa realidade repressiva, em um lugar geograficamente delimitado e cercado por regras e limites. Olhar o paraíso e suas belezas, desvelando uma intimidade de lembranças, experiências, alegrias, tristezas, ideias, medos, dores…

 

24/05/13 Às 19:00h – GAIOLA DE MOSCAS – Teatro Hermilo Borba Filho – Gênero: Comédia – Duração: 50 min

Sinopse: Adaptado do conto homônimo do escritor moçambicano Mia Couto, Gaiola de Moscas é um espetáculo inspirado na brincadeira popular pernambucana do Cavalo Marinho. Zuzé é um curioso comerciante, vendedor de cuspes que, para salvar os negócios, se torna vendedor de moscas. Sua mulher, cansada das ideias do marido, se encanta por um forasteiro vendedor de “pintadas” de batons.

 

24/05/13 às 20:00h – TOMBÊ – Teatro Apolo – Gênero: Dança – Duração: 45 min

Sinpose: Você já tentou entender o sentido das coisas? Você já teve que inventar alguma teoria? Você já teve longas DR com colegas de trabalho? Você já teve um chefe? Você já participou de dinâmicas de grupo? Você já perdeu o controle? Você já dançou alguma vez na vida? Este espetáculo é para você. Tombé é uma coreopalestra que dubla discursos, movimentos e absurdos da arte e da vida. E ri de si.

 

25/05/13 e 26/05/13 às 16:00h – SIMBÁ, O MARUJO – Teatro Marco Camarotti – Gênero: Teatro infantojuvenil – Duração: 50 min

Sinopse: Simbá é um marujo que se alimenta de aventuras. Sua casa é o mar. Com sua perspicácia, consegue se safar de diversas situações adversas: explora reinos fantásticos; enfrenta monstros, ilhas-peixe, aves e serpentes gigantescas, rituais macabros e elefantes inteligentes; descobre novos horizontes. Sua paixão pelas peripécias faz com que sua história adquira um tom cíclico em um eterno retorno ao mar. Simbá é o equilíbrio das técnicas de teatro de objetos, acrobacia, sombras e ressignificação do corpo do ator, amalgamadas para se contar essa história de modo leve e divertido, a qual nosso público se acostumou.

 

 

Serviços:

Evento: 7ª Edição do Festival Palco Giratório 2013

Data: 03/05/13 a 31/05/13

Horário: Verificar a programação

Ingressos: R$12,00 (inteira) e R$6,00 (meia) nos teatros e Gratuito nas praças

Locais:

Praça do Campo Santo – Santo Amaro – Recife (em frente ao Teatro Marco Camarotti)

Teatro Apolo – Rua do Apolo nº121 – Bairo do Recife – Recife

Teatro Barreto Junior - Rua Estudante Jeremias Bastos, s/n – Pina- Recife

Teatro Capiba (Sesc Casa Amarela) – Rua Professor José dos Anjos, nº1109 – Mangabeira – Recife

Teatro Hermilo Borba Filho – Rua do Apolo, nº121 – Bairro do Recife – Recife

Parque Dona Lindu – Av. Boa Viagem – Boa Viagem – Recife

Teatro Marco Camarotti (Sesc Santo Amaro) – Rua Treze de Maio, nº455 – Santo Amaro – Recife