Casa Caramujo

Crédito: Guga Melgar

 

A CAIXA Cultural Recife apresenta, entre os dias 5 e 13 de janeiro de 2019, aos sábados e domingos, o espetáculo infantil Casa Caramujo, da CiaTeatro Epigenia, com texto e direção de Gustavo Paso. O espetáculo marca o retorno da companhia ao universo da criança na comemoração dos seus 18 anos de atividade, um caminho marcado pelo reconhecimento de público e crítica.

 

Na temporada de estreia no Rio de Janeiro, em 2017, Casa Caramujo foi vencedor do Prêmio CBTIJ de Melhor Trabalho de Formas Animadas e de Melhor Ator. O intérprete Marcio Nascimento recebeu ainda esse mesmo reconhecimento nos prêmios Zilka Salaberry e Botequim Cultural. Em São Paulo, onde cumpriu temporada recente, o espetáculo ganhou 4 estrelas da revista Veja e foi destaque no jornal Folha de São Paulo.

 

Casa Caramujo experimenta múltiplas técnicas de teatro de animação (manipulação direta, luva, mímica, teatro negro), abordando de maneira lúdica um dos temas mais delicados para se tratar com crianças e adolescentes: a morte. A peça coloca as crianças em contato com os fatos irreversíveis, no mergulho do desconhecido. O texto foi inspirado por uma narrativa de tradição oral escocesa do século XI e aborda o ciclo da vida, fazendo uma contextualização com simbologias que explicam que a continuidade depende necessariamente do convívio com a morte.

 

O enredo apresenta um menino que, ao perceber que poderá perder sua mãe doente, enfrenta a “morte” e consegue aprisioná-la dentro de uma casa de caramujo. Aos poucos, no entanto, o menino e todos os moradores do lugar começam a se deparar com uma realidade difícil: eles não conseguem mais colher frutos, legumes, verduras e nem mesmo pescar, já que a morte foi aprisionada e deixou de agir. Assim, ninguém consegue se alimentar, e o ciclo da vida é quebrado. O menino precisa então mergulhar no fundo das águas e, com a ajuda do Caramujo, resgatar a sua casa e a dona morte.

 

No elenco da montagem estão Luciana Fávero, Marcio Nascimento, Iuri Saraiva, Felipe Frazão e Gustavo Paso. O trabalho de formas animadas é assinado por Gustavo Paso e Eduardo Andrade; os figurinos são de Luciana Falcon; a iluminação é de Paulo Cesar Medeiros; o cenário de Gustavo Paso e Luciana Falcon; e a direção musical de Andre Poyart.

 

Serviço:

Espetáculo infantil Casa Caramujo, com a CiaTeatro Epigenia

Local: CAIXA Cultural Recife –Av. Alfredo Lisboa – Praça do Marco Zero, Bairro do Recife

Data: 5 a 13 de janeiro de 2019 (sábados e domingos)

Horários: sábados (05/01 e 12/01), às 16h e às 18h; domingos (06/01 e 13/01), às 11h

Informações: (81) 3425-1915

Ingressos: R$ 16,00 (inteira) e R$ 8,00 (meia-entrada).

Bilheteria: Aberta às 9h do dia 4 de janeiro (sexta-feira) para sessões dos dias 5 e 6; e às 9h do dia 11 de janeiro (sexta-feira) para sessões de 12 e 13

Duração: 60 minutos

Classificação: Indicado para maiores de 6 anos

Capacidade: 80 lugares

Acesso para pessoas com deficiência

Oficina: Teatro Lambe-Lambe

 

Olha que legal para os que não são mais tão pequenos… Uma oficina para crianças, ou melhor adolecentes a partir de 16 anos.

 

A oficina Teatro Lambe-Lambe – uma imersão na realidade do imaginário tem como proposta ensinar a construir um mundo mágico, repleto de cores e formas, dentro de uma caixa de aproximadamente 50 cm. Com uma carga horária de vinte e quatro horas, ela propõe um mergulho no pequeno universo imaginário criado por atores e bonecos através de técnicas de construção e manipulação em teatro de miniaturas.

 

Oferecida pela Caixa Cultural, a oficina abordará aspectos relativos à construção e manipulação de bonecos, objetos e sombras em miniatura. Além de dramaturgia para o pequeno formato e recursos técnico-artísticos de som e luz. O trabalho será baseado na imaginação, curiosidade e conhecimento dos participantes, que serão estimulados a partir de improvisações e exercícios individuais e coletivos. Os participantes serão instigados à criação de trabalhos-estudo autorais, que farão parte de uma mostra de finalização da oficina.

 

Conceito

O Teatro Lambe-Lambe consiste numa variação do teatro de formas animadas, com espetáculos de curta duração para espaços mínimos. É conhecido também como teatro de caixa, por ser seu espaço cênico semelhante às antigas caixas lambe-lambe de fotografia, onde comporta apenas um espectador por sessão. Constituindo um novo fazer teatral, que reúne, em miniatura, elementos de cenografia, iluminação, figurino, dramaturgia e representação do ator, substituído por bonecos, que ganham vida à medida que o manipulador transforma o objeto que conduz pelas mãos em emoção. Do lugar onde se vê, revela-se a magia do olhar sobre o mundo e as coisas capazes de transformar os sentimentos humanos.

 

Qualquer pessoa interessada em teatro de formas animadas e miniaturas, com idade a partir de 16 anos, pode participar, e não é exigida experiência na área. Estão sendo oferecidas quinze vagas e as inscrições, que são gratuitas, podem ser feitas através do e-mail caixalambelambe.bahia@gmail.com. As atividades ocorrerão em turno integral, durante três dias, totalizando vinte e quatro horas de duração. Depois de Recife, a oficina Teatro Lambe-Lambe: uma imersão na realidade do imaginário passará por Brasília e Salvador.

 

Serviço:

O que: Oficina Teatro Lambe-Lambe: uma imersão na realidade do imaginário
Quando: 21 a 23 de maio 2014, das 9h às 18h.
Onde: Caixa Cultural Recife - Avenida Alfredo Lisboa, nº 505, Praça do Marco Zero
Quanto: Gratuita
Inscrições: caixalambelambe.bahia@gmail.com
Vagas: 15 pessoas

Cineminha – Caixa Cultural

 

Para quem curte o universo “Cinema” amanhã começa o Projeto Cineminha, da Caixa Cultural! “Cineminha” é um evento ao mesmo tempo recreativo e educativo que desperta o interesse de crianças para o cinema. Serão exibidos filmes infanto-juvenis, sendo 6 longas-metragens e 27 curtas. Paralelamente à exibição dessas obras, serão oferecidas oficinas de audiovisual com duração de 5 dias para crianças com idade entre 09 e 13 anos previamente inscritas. Através, não somente do ensino da técnica, mas também do livre exercício da criatividade e liberdade de expressão, essas oficinas pretendem contribuir para a formação do olhar desses jovens espectadores.

 

Confiram a programação dos filmes:

 

16 DE JULHO (terça-feira)

 

14:00h – Curtas: Programa 5 (com duração de 60 minutos)

Dia Estrelado, de Nara Normande/ Lápis de Cor, de Alice Gomes/ A Menina Espantalho, de Cássio Pereira dos Santos/ A Mula Teimosa e o Controle Remoto, de Helio Villela.

16:00h – Ponyo – Uma Amizade Que Veio do Mar – de Hayao Miyazaki

(Animação/ 92min/ Japão/ 2008)

 

Sinopse: Ponyo é uma peixinha dourada que conhece o garoto Sosuke. Ele a leva para sua casa e decide cuidar dela. O amor e a amizade entre os dois é tão grande, que Ponyo resolve se tornar humana só para ficar mais tempo ao lado de seu amigo.

 

 

17 DE JULHO (quarta-feira)

 

14:00hEu e Meu Guarda Chuva, de Toni Vanzolin

(78min / Brasil / 2010)
Sinopse: Eugênio é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias, ele e seu melhor amigo Cebola precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio,que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

 

16:00hCurtas: Programa 1 (com duração de 54 minutos

A Festa que Caiu do Céu, de Karen Akerman / Naiá e a Lua, de Leandro Tadashi / Eu Queria Ser Um Monstro, de Marcelo Marão/ A Sombra de Sofia, de Flavia Thompson / Cadê meu Rango?, de George Munari Damiani

 

 

18 DE JULHO (quinta-feira)

 

14:00h – Curtas: Programa 6 (com duração de 58 minutos)

O Sumiço do Amigo Invisível, de Paola Barreto Leblanc / Traz Outro Amigo Também, de Frederico Cabral / Ernesto no País do Futebol, de André Queiroz e Thaís Bologna / O Fim do Recreio, de Nélio Spréa e Vinicius Mazzon / A Fábula da Corrupção, de Lisandro Santos

 

16:00h – As Bicicletas de Belleville, de Sylvain Chomet

(Animação/ 78min/ Bélgica, Canadá, França, Inglaterra/ 2003)

 

Sinopse: Adotado pela sua avó Madame Souza, Champion é um menino solitário. Reparando que o garoto fica mais feliz em uma bicicleta do que em qualquer outro lugar, ela submete Champion a um rigoroso treinamento. O tempo passa e ele se torna merecedor de seu nome, passando a fazer parte do famoso circuito de corridas de bicicleta francês, o Tour de France. Durante a disputa, dois homens misteriosos sequestram o jovem rapaz. Madame Souza e seu fiel cachorro Bruno vão em sua busca para tentar resgatá-lo.

 

 

19 DE JULHO (sexta-feira)

 

14:00h – O Amigo Invisível, de Maria Letícia

(74min/ Brasil/ 2005)

 

Sinopse: Tixa é uma menina de 7 anos que possui um amigo que apenas ela vê. Como suas brincadeiras com o irmão são perigosas, envolvendo golpes de jiu-jitsu e socos com lutas de boxe, Tixa prefere brincar com Gabriel, nome de seu amigo invisível, com quem pula corda e brinca de boneca. Porém esta amizade é vista com estranheza por sua família, que acreditam que ela está falando sozinha.

 

16:00h – Curtas: Programa 2 (com duração de 59 minutos)

Cores e Botas, de Juliana Vicente / Garoto Barba, de Christopher Faust Pereira / L, de Thais Fujinaga / Imagine Uma Menina Com Cabelos De Brasil, de Alexandre Bersot

 

 

20 DE JULHO (sábado)

 

14:00h – Curtas: Programa 4 (com duração de 63 minutos)

Maré Capoeira, de Paola Barreto Leblanc / Minha Rainha, de Cecília Amado / Picolé, Pintinho, Pipa, de Gustavo Melo / A Distração de Ivan, de Cavi Borges e Gustavo Melo / Pintinho, de Rafael Saar

 

16:00hWallace & Gromit – A Batalha dos Vegetais, de Nick Park e Steve Box

(Animação/ 85min/ EUA, Reino Unido/ 2005)

 

Sinopse: O bairro onde moram o pacato inventor Wallace e seu fiel cão Gromit está em polvorosa com a proximidade do concurso anual de legumes gigantes, organizado pela bela e solteira Lady Tottington. Para proteger as plantações de coelhos famintos, Wallace inventa um equipamento que captura os animais sem machucá-los. O problema é o que fazer com o excesso de coelhos, que não demoram a superpovoar a casa do inventor.

 

 

21 DE JULHO (domingo)

 

14:00h – Brichos – A Floresta é Nossa!, de Paulo Munhoz

(Animação/ 77 min/ Brasil/ 2007)

 

Sinopse: Tales, Jairzinho e Bandeira, filhotes de jaguar, quati e tamanduá, fazem parte da surpreendente população da Vila dos Brichos. O que acontece quando eles resolvem criar o “lutador perfeito” para vencerem um campeonato internacional de videogame? Revelações, conflitos e uma grande aventura!

 

16:00h – Curtas: Programa 3 (com duração de 54 minutos)

Tratado de Liligrafia, de Frederico Pinto / Avós, de Michael Wahrman / As Férias de Lord Lucas, de Tatiana Nequete / Tempo de Criança, de Wagner Novais

 

 

23 DE JULHO (terça-feira)

 

14:00h – Ponyo – Uma Amizade Que Veio do Mar – de Hayao Miyazaki

(Animação/ 92min/ Japão/ 2008)

Sinopse: Ponyo é uma peixinha dourada que conhece o garoto Sosuke. Ele a leva para sua casa e decide cuidar dela. O amor e a amizade entre os dois é tão grande, que Ponyo resolve se tornar humana só para ficar mais tempo ao lado de seu amigo.

 

16:00h – Curtas: Programa 5 (com duração de 60 minutos)

Dia Estrelado, de Nara Normande/ Lápis de Cor, de Alice Gomes/ A Menina Espantalho, de Cássio Pereira dos Santos/ A Mula Teimosa e o Controle Remoto, de Helio Villela.

 

 

24 DE JULHO (quarta-feira)

 

14:00h – Curtas: Programa 1 (com duração de 54 minutos)

A Festa que Caiu do Céu, de Karen Akerman / Naiá e a Lua, de Leandro Tadashi / Eu Queria Ser Um Monstro, de Marcelo Marão/ A Sombra de Sofia, de Flavia Thompson / Cadê meu Rango?, de George Munari Damiani

 

16:00h – Eu e Meu Guarda Chuva, de Toni Vanzolin

(78min / Brasil / 2010)

Sinopse: Eugênio  é um garoto de 11 anos que jamais se separa do guarda chuva herdado de seu avô. No último dia de férias, ele e seu melhor amigo Cebola precisam entrar na sombria casa onde fica sua nova escola. O motivo é para resgatar Frida, a grande paixão de Eugênio, que foi sequestrada pelo fantasma do Barão Von Staffen.

 

 

25 DE JULHO (quinta-feira)

 

14:00h - As Bicicletas de Belleville, de Sylvain Chomet

(Animação/ 78min/ Bélgica, Canadá, França, Inglaterra/ 2003)

 

Sinopse: Adotado pela sua avó Madame Souza, Champion é um menino solitário. Reparando que o garoto fica mais feliz em uma bicicleta do que em qualquer outro lugar, ela submete Champion a um rigoroso treinamento. O tempo passa e ele se torna merecedor de seu nome, passando a fazer parte do famoso circuito de corridas de bicicleta francês, o Tour de France. Durante a disputa, dois homens misteriosos sequestram o jovem rapaz. Madame Souza e seu fiel cachorro Bruno vão em sua busca para tentar resgatá-lo.

 

16:00h – Curtas: Programa 6 (com duração de 58 minutos)

O Sumiço do Amigo Invisível, de Paola Barreto Leblanc / Traz Outro Amigo Também, de Frederico Cabral / Ernesto no País do Futebol, de André Queiroz e Thaís Bologna / O Fim do Recreio, de Nélio Spréa e Vinicius Mazzon / A Fábula da Corrupção, de Lisandro Santos

 

 

26 DE JULHO (sexta-feira)

 

14:00h – Curtas: Programa 2 (com duração de 59 minutos)

Cores e Botas, de Juliana Vicente / Garoto Barba, de Christopher Faust Pereira / L, de Thais Fujinaga / Imagine Uma Menina Com Cabelos De Brasil, de Alexandre Bersot

 

16:00h – O Amigo Invisível, de Maria Letícia

(74min/ Brasil/ 2005)

 

Sinopse: Tixa é uma menina de 7 anos que possui um amigo que apenas ela vê. Como suas brincadeiras com o irmão são perigosas, envolvendo golpes de jiu-jitsu e socos com lutas de boxe, Tixa prefere brincar com Gabriel, nome de seu amigo invisível, com quem pula corda e brinca de boneca. Porém esta amizade é vista com estranheza por sua família, que acreditam que ela está falando sozinha.

 

 

27 DE JULHO (sábado)

 

14:00hWallace & Gromit – A Batalha dos Vegetais, de Nick Park e Steve Box

(Animação/ 85min/ EUA, Reino Unido/ 2005)

 

Sinopse: O bairro onde moram o pacato inventor Wallace e seu fiel cão Gromit está em polvorosa com a proximidade do concurso anual de legumes gigantes, organizado pela bela e solteira Lady Tottington. Para proteger as plantações de coelhos famintos, Wallace inventa um equipamento que captura os animais sem machucá-los. O problema é o que fazer com o excesso de coelhos, que não demoram a superpovoar a casa do inventor.

 

16:00h – Curtas: Programa 4 (com duração de 63 minutos)

Maré Capoeira, de Paola Barreto Leblanc / Minha Rainha, de Cecília Amado / Picolé, Pintinho, Pipa, de Gustavo Melo / A Distração de Ivan, de Cavi Borges e Gustavo Melo / Pintinho, de Rafael Saar

 

 

28 DE JULHO (domingo)

 

14:00h – Curtas: Programa 3 (com duração de 54 minutos)

Tratado de Liligrafia, de Frederico Pinto / Avós, de Michael Wahrman / As Férias de Lord Lucas, de Tatiana Nequete / Tempo de Criança, de Wagner Novais

 

16:00h – Brichos – A Floresta é Nossa!, de Paulo Munhoz

(Animação/ 77 min/ Brasil/ 2007)

 

Sinopse: Tales, Jairzinho e Bandeira, filhotes de jaguar, quati e tamanduá, fazem parte da surpreendente população da Vila dos Brichos. O que acontece quando eles resolvem criar o “lutador perfeito” para vencerem um campeonato internacional de videogame? Revelações, conflitos e uma grande aventura!

 

Serviço:

Local: Caixa Cultural fica na Avenida Alfredo Lisboa nº 505, Praça do Marco Zero, no Bairro do Recife.

Ingresso: R$ 2,00 (inteira) e R$ 1,00 (meia-entrada)

Informações: 81. 3425-1900

 

Fora as sessões de Cineminha, terão também as oficinas, para fazer a inscrição clique aqui e preencha o formulário (DE 3 A 12 DE JULHO) confiram se ainda há vagas!

 

 

OFICINA LUZ, CÂMERA, AÇÃO!

A oficina possibilita um primeiro contato com a linguagem fílmica e o processo de realização cinematográfica de uma obra live-action, estimulando também o pensamento crítico através do debate. As crianças serão responsáveis pela criação de um curta-metragem.

 

Data: 16 a 21 de julho

Horário: 10:00h às 12:00h

Local: Sala educativo, Auditório – Caixa Cultural

Número de Alunos: 25

Carga horária: 5 aulas de 2 horas de duração

Público alvo: crianças entre 9 e 13 anos.

Professora: Mariana Porto é diretora e educadora da área do audiovisual.

 

 

OFICINA CINEMA É ANIMAÇÃO!

A oficina apresenta um pouco da história do Cinema de Animação e das técnicas usadas pelos animadores. Será proposta aos participantes a criação de um filme animado. As crianças serão responsáveis pela criação do roteiro, técnica a ser utilizada, modelagem de personagem e cenário, além da animação de seus próprios filmes.

 

Data: 23 A 27 de julho

Horário: 10:00h às 12:00h

Local: Sala educativo, Auditório – Caixa Cultural

Carga horária: 5 aulas de 2 horas de duração

Público alvo: crianças entre 9 e 13 anos.

Número de Alunos: 25

Professor: Clementino Junior é designer e cineasta, diretor é professor de cursos de audiovisual em graduação, pós-graduação e projetos sociais, cineclubista e atualmente ocupa a vice-presidência da Associação Brasileira de Documentaristas e Curtametragistas.