Espetáculos no Natal de Recife

Daniel Tavares/Arquivo PCR

 

Para quem for ficar em Recife e quiser se encantar, olha estas sugestões de espetáculos para toda a família! A semana de Natal será cheia de atrações na cidade. Depois de um fim de semana de muita celebração às mais tradicionais manifestações culturais natalinas, com apresentações de vários grupos de pastoril no Cais da Alfândega, de sexta a domingo, os festejos continuam até o próximo dia 25.

 

No Parque Santana:

Do dia 21 a 25/12/17 terá o espetáculo Natal para Sempre. O enredo conta a história de uma menina que encontra um livro mágico, de onde escapam para a vida real Pinóquio, Peter Pan, João do Pé de Feijão, o Lobo Mau e muitos outros personagens de histórias infantis clássicas. Juntos, eles compartilham muitas aventuras e coreografias, num animado enredo que já virou tradição do Natal recifense. Gratuito e a céu aberto, o musical tem uma hora de duração, colocando 18 bailarinos em cena. Com patrocínio da TV Jornal e apoio da Prefeitura do Recife, o espetáculo começa sempre às 19h.

 

No Marco Zero:

Nos dias 23, 24 e 25/12/17, tem mais tradição cultural para celebrar o Natal no Recife. Às 20h, o Marco Zero recebe o célebre espetáculo Baile do Menino Deus, tradição que comemora 14 natais este ano. Realizado com apoio da Prefeitura do Recife, a grandiosa celebração à cultura popular nordestina, vista por mais de 70 mil pessoas a cada ano, conta a história do nascimento de Jesus, narrada a partir de figuras da mais remota tradição cultural brasileira. A montagem deste ano traz mudanças no texto, com a inclusão de figuras como Ogum, e nos figurinos, assinados por Marcondes Lima, além de novidades no elenco, na orquestra e nas coreografias. Gratuito

 

No Pátio de São Pedro:

No próximo dia 6 de janeiro de 2018, a programação montada pela Prefeitura do Recife para o ciclo natalino 2017 encerra com a Queima da Lapinha, no Pátio de São Pedro, com apresentação de vários pastoris.

O Baile do Menino Deus

Lembro da minha infância quando assisti ao espetáculo “O Baile do Menino Deus” com meu pai, no Teatro de Santa Isabel… Adorava, tínhamos o disco de vinil, eu sabia todas as músicas de cor. E ver que ainda hoje o espetáculo continua sendo exibido e atraindo muita gente me dá muita alegria…

 

Fotos: Gianny Melo

 

“A maior consagração é ter se tornado de domínio público com autores vivos”. É assim que o dramaturgo Ronaldo Correia de Brito festeja os 30 anos de sua obra mais conhecida, “Baile do Menino Deus”, composta em parceria com o escritor Assis Lima e o músico Antônio Madureira. Com sucesso impressionante desde o seu lançamento, em 1983, com encenação dirigida pelo próprio Ronaldo para a Companhia Práxis Dramática, a peça ganhou formato de grandiosa cantata natalina em 2004, na praça do Marco Zero, pela Relicário Produções, com a produtora Carla Valença à frente e direção do mesmo Ronaldo Correia de Brito. Desde então, há dez anos, vem atraindo famílias inteiras como o maior espetáculo do Natal apresentado pela Prefeitura do Recife e Governo do Estado de Pernambuco. A temporada desta 10ª edição será de 23 a 25 de dezembro, sempre às 20:00h, com entrada totalmente franca.

 

“Há pelo menos três gerações o Baile do Menino Deus é amado”, diz com orgulho Ronaldo Correia de Brito. “Mas, no fundo, ainda me impressiona que seja tão atual e toque tanto as pessoas. Certamente por ser uma grande celebração, um ritual de nascimento, ao nosso modo, do Menino Deus. É por ele que fazemos”, complementa. Nesta versão, a montagem transforma-se numa verdadeira ópera popular de rua, vista por mais de 60 mil pessoas a cada nova edição como principal atração cênica do Natal de milhares de famílias que frequentam a praça do Marco Zero. No enredo, dois Mateus, juntos a um grupo de crianças, tentam abrir uma porta para celebrar o nascimento do Menino Jesus, com o consentimento de Maria e José, em meio a aparição de personagens fantásticos como o Anjo Bom, o Jaraguá, a Burrinha Zabilin e a Ciganinha.

 

Com canções inesquecíveis como Romã, Romã, Cantiga Para Acalentar o Menino, Ciganinha, Beija-Flor e Borboleta e Jaraguá, a trilha sonora é totalmente acompanhada pelo público, que já conhece cada canção de cor e salteado. “A música dá toda a sustentação ao espetáculo, pela delicadeza contida. Ela realça a poesia do texto. Por isso continuo achando esta obra iluminada, sem data, para sempre, além de ser iniciática e metáfísica”, diz, sem modéstia, Ronaldo Correia de Brito. A renovação, de fato, é o que propõe o espetáculo, além de uma celebração do Natal com jeito bem brasileiro. E haja popularidade festiva!

 

“Senhores donos da casa, Jesus, José e Maria

O Baile aqui não termina, o Baile aqui principia

Do mesmo jeito que o sol se renova a cada dia

Da mesma forma que a lua quatro vezes se recria

Do mesmo tanto que a estrela repassa a rota e nos guia”.

 

Serviços:

 

Espetáculo: Baile do Menino Deus – Uma Brincadeira de Natal

Local: Praça do Marco Zero – Recife

Data: 23, 24 e 25 de dezembro de 2013

Hora: 20:00h

Ingresso: Gratuito

Informações: 81. 3222 0025 / 9292 1316