Esporte para a criançada: Tênis

 

Toda criança deve praticar pelo menos um esporte, para ajudar a se exercitar, gastar energias, na coordenação motora e junto com tudo isto eles vão ter que aprender a seguir regras e a competir, o que não é nada fácil! E é pensando nisso que nós iremos buscar informações sobre alguns esportes que vocês podem estar incentivando seus filhos a praticarem!

 

E para começar esta série esportiva, vamos começar com o Tênis de quadra!

 

O Tênis ficou mais popular no Brasil após as inúmeras vitórias de Guga (Gustavo Kuerten), que com toda a sua simplicidade e simpatia conquistou a todos, principalmente às crianças! E desde então cresce o número de crianças querendo conhecer mais sobre este universo…

 

Assim como a maioria dos esportes o Tênis trabalha bastante a parte motora, física, psicológica e social. Confiram alguns benefícios trazidos pela prática do tênis:

 

Fisiológicos:

 

1) Promove a sensação de disposição e bem estar para a criança;

2) Melhora a flexibilidade, a coordenação e a resistência, promovendo uma maior mobilidade e melhor postura;

3) Combate e previne doenças, sedentarismo, estresse, depressão, ansiedade, etc.;

4) Diminui o esforço na execução das tarefas diárias.

5) Ajuda no poder de concentração e equilíbrio da criança.

 

Psicológicos:

 

1) Melhora a capacidade de atenção, interdisciplinaridade e concentração na escola;

2) Promove a integração social;

3) Favorece o trabalho em equipe;

4) Melhora as relações inter-pessoais.

 

 

Um pouco sobre o esporte:

O tênis é um jogo disputado em quadras geralmente abertas e de superfícies sintéticas, cimento, saibro ou relva. Participam no jogo dois oponentes ou duas duplas de oponentes, podendo ser mistas ou não. A quadra é dividida em duas meia-quadras por uma rede, e o objetivo do jogo é rebater uma pequena bolapara além da rede (para a meia-quadra adversária) com ajuda de uma raquete. Para marcar um ponto é preciso que a bola toque no solo em qualquer parte dentro da quadra adversária incluindo o alvado do oponente, fazendo com que o adversário não consiga devolver a bola antes do segundo toque, ou que a devolva para fora dos limites da outra meia-quadra. O desporto assim possui aspectos de ataque (rebater bem a bola, dificultando a devolução do adversário) e defesa (bom posicionamento em quadra, antecipação do lance adversário etc). O jogo é dividido em sets/partida, games e pontos.

 

Equipamentos:

Raquete, bola e rede – descobri apenas agora que existem tamanhos diferentes de raquetes e tipos de bolas, que deverão ser escolhidos em função do jogador (raquetes menores, apropriadas para as crianças).

 

Vestuário:

Bermuda, camisa de malha e tênis, mas é comum vermos os jogadores usando faixa nos punhos e testa, para evitar que o suor escorra para as mãos e olhos durante o jogo. Dependendo da intensidade do sol também usam viseira ou boné.

As meninas se quiserem fazer um charminho podem aderir ao short/ saia.

E não esqueçam de levar uma toalhinha de rosto e garrafinha de água!

 

Quadras:

No circuito profissional, as quadras mais usadas são de saibro, de asfalto, de grama e de carpete.

 

As quadras de saibro são as que provocam um jogo mais lento.  os torneios de saibro mais importantes do mundo, como Monte Carlo, Roma, Hamburgo e Roland Garros.

 

Já a grama, é um tipo de quadra em extinção. Hoje encontramos quadras de grama na Inglaterra, Holanda, Austrália e algumas espalhadas pelo mundo. Apesar de toda a tradição, este tipo de quadra está cada vez mais raro, devido à sua complicadíssima manutenção. Os principais torneios são os de Queens, Nottingham e Wimbledon.

 

As quadras asfálticas, mais conhecidas por quadras “duras”, “rápidas” ou “sintéticas”, foram popularizadas pelos americanos, para que houvesse uma economia na  manutenção. Nas quadras de asfalto o jogo é mais rápido, mas depende da abrasividade da superfície. Os principais torneios são os de Toronto, Los Angeles, Cincinnati, Indianapolis e U.S.Open.

 

E as quadras de  carpete, são as mais rápidas, dentre todas as superfícies. Usadas em quadras cobertas, o carpete é muito conhecido nos países aonde o frio é muito intenso no inverno. Os torneios mais importantes são Lyon, Paris e o Masters.

 

 

Aqui em Recife podemos encontrar alguns lugares que oferecem aulas de tênis para crianças, mas recentemente soube da existência de uma em especial, que chamou a minha atenção por ter todo um preparo especial para os pequenos é a Tennis Kids… Eles oferecem uma quadra com o tamanho ideal para o estágio de iniciação, com bolas maiores e mais leves e uma raquete correspondente a estatura da criança. Não é legal?

 

Para maiores informações vocês podem entrar em contato diretamente com eles: Tennis Kids, e agendem uma aula teste gratuita. Eles possuem duas unidades, sendo uma no Clube Português do Recife e a outra no Sport Club do Recife. A escolinha conta com uma equipe de educadores físicos especializados no ensino do tênis para crianças, com formação nos cursos promovidos pela ITF (Federação Internacional de tênis). As aulas seguem o formato do Play and Stay (jogue e fique – O sistema Play and Stay usa bolas mais lentas, em espaços reduzidos, aumentando as chances de pessoas – com ou sem experiência esportiva – conseguirem trocar mais bolas).

 

Serviços:

Tennis Kids: contato@tinniskids.com.br / facebook.com/escolinhatenniskids / Telefone: 81. 9526 2728/ 8839 4382 / 8794 7285

Faça Seu Comentário

  1. Parabéns ao Dicas Miúdas. O artigo ficou excelente, seja o tênis ou qualquer outro esporte é fundamental que a criança tenha oportunidade de conhecer as diversas formas do movimento.
    Com a prática regular de esporte, os pequenos aprimoram o acervo motor, desenvolve competências, capacidades, habilidades, disciplina e internaliza valores que levarão consigo por toda vida.