Minha Pequena África

Em outubro eu assisti a primeira apresentação do Projeto “Minha Pequena África” das minhas amigas queridas do grupo Cordelândia! O projeto está lindo e trás de forma lúdica e bem animada informações e curiosidades sobre a cultura africana que tanta influência exerce sobre a nossa cultura, não é mesmo??? Entendam um pouco da proposta delas e não deixem de conferir a programação neste mês de novembro e vão conferir de pertinho com toda a família!

 

Foto: Divulgação

 

Quantos de nós já chegamos a pensar que a África era apenas um país? Quantos de nós concebemos uma África povoada apenas por tribos e repleta de histórias tristes? A verdade é que sabemos muito pouco ou quase nada deste continente lindo e cheio de histórias incríveis. Histórias que narram a vida, o pensamento e que nos brindam com mitos que nunca imaginamos existir. Para comemorar este lugar abençoado, raro e belo, nasceu o “Minha Pequena África”. Um espetáculo para toda a família que traz à tona a influência da cultura de matriz africana sobre nós. A realização é da Banda Cordelândia e do AfroKoletivo. Em novembro, o espetáculo será apresentado no Paço do Frevo (Bairro do Recife), no dia 13/11 (domingo), às 16h; nA Casa do Cachorro Preto (Olinda), no dia 20/11 (Domingo – Dia Nacional da Consciência Negra), às 16h; e no Centro Cultural Xambá (Olinda), no dia 27/11 (domingo), às 16h.

 

Criado e desenvolvido pela musicista Camila Ribeiro e pelo produtor e educador social Danilo Carias, o “Minha Pequena África” tem como uma de suas propostas suprir as necessidades referentes à Lei no 9.394, que inclui no currículo oficial da Rede de Ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira”. Assim, durante uma hora de duração, o espetáculo apresenta o Brasil que herdou da Mãe África uma infinidade de costumes, sons, palavras, comidas, danças, instrumentos, religiões que necessitam ser difundidos para permanecerem vivos.

 

De forma leve, lúdica e educativa, o legado africano é apresentado no “Minha Pequena África” pela Banda Cordelândia, que é formada pelas musicistas Camila Ribeiro, Joannah Luna, Susana Morais e Viviane Oliveira. A música afro-brasileira, os contos, as lendas e os cordéis convidam a família a descobrir um novo jeito de interagir com a nossa ancestralidade. Todo o repertório musical e de contação de histórias foi criado especialmente para o espetáculo.

 

Assim, o espetáculo traz como pressuposto temas como o preconceito, a intolerância religiosa e as diversas formas de exclusão social, que no espetáculo ganham uma reflexão leve e propositiva. Com isso, o “Minha Pequena África” evidencia a cultura afro como constituinte e formadora do patrimônio cultural brasileiro, onde os negros são considerados sujeitos históricos de extrema relevância na construção do país.

 

Sob a direção musical e arranjos de Camila Ribeiro as músicas são executadas por Rafael Peixoto e Viviane Oliveira na percussão, Toinho Japa no contrabaixo e Kassio Farias na bateria. A contação de histórias fica a cargo da cordelista Susana Morais e de Joannah Luna, que também é a cantora do espetáculo. A consultoria pedagógica é de Luciene Ciciliani. Coreografia de Anderson Nogueira. A produção executiva é da Criativo Soluções e Produção Cultural. A Produção comercial é da ZaraTempo Produções.

 

O projeto “Minha Pequena África” foi contemplado no Edital de Bolsa de Fomento aos Artistas e Produtores Negros da Fundação Nacional de Artes (Funarte) 2014. A classificação etária é livre.

 

Foto: Divulgação

 

Serviço:

“Minha Pequena África” – Espetáculo da Banda Cordelândia

 

Agenda de Novembro (que também está no calendário)

 

Quando: 13/11 (domingo), às 16h

Onde: Paço do Frevo (Praça do Arsenal da Marinha, s/n, Bairro do Recife)

Entrada: dentro da programação do local

 

Quando: 20/11 (Domingo – Dia Nacional da Consciência Negra), às 16h

Onde: A Casa do Cachorro Preto (Rua Treze de Maio, 99, Cidade Alta, Olinda)

Entrada: gratuita

 

Quando: 27/11 (domingo), às 16h

Onde: Centro Cultural Xambá (Rua Severina Paraíso da Silva, 65, Portão do Gelo, Olinda)

Entrada: gratuita

 

Informações: 81 99898-5212 ou 81 98236-3777

 

Ficha Técnica | “Minha Pequena África”

 

Classificação etária | Livre

Duração | 60 minutos

Concepção | Camila Ribeiro e Danilo Carias

Direção Musical | Camila Ribeiro

Direção de Cena | Danilo Carias

Músicos Convidados | Rafael Peixoto (Percussão), Viviane Oliveira (Percussão), Toinho Japa (Contrabaixo) e Kassio Farias (Bateria)

Cordelista e Contadora de Histórias | Susana Morais

Cantora e Contadora de Histórias | Joannah Flor

Coreógrafo e Bailarino | Anderson Nogueira

Coordenadora de Pesquisa e Apoio Pedagógico | Luciene Ciciliani

Cenário | Leo Luna

Figurino | Joannah Flor, Anderson Nogueira, Joana Lima

Design | João Paulo Monteiro

Assessoria de Comunicação | Feed Comunicação

Produção Executiva| Criativo Soluções e Produção Cultural

Produção Comercial | ZaraTempo Produções

Festival Conte Outra Vez 2015

Após três edições bem sucedidas, o “Conte Outra Vez” está de volta com o tema: Alacazam, Alacazim, Histórias do Mundo Aqui”. Artistas contadores daqui (Recife) trarão, em seu repertório, histórias contadas pelos quatro cantos da Terra. O festival, deste ano, conta com uma programação especial que acontecerá na Pracinha do Shopping Recife por três dias, começando na segunda (9/10) e encerrando no domingo (11/10).

 

Com realização do grupo O Tapete Voador e patrocínio do Shopping Recife, o “Conte Outra Vez” é um evento de caráter inédito no estado, sendo voltado exclusivamente à contação de histórias, utilizando técnicas vocais, visuais e musicais para, sobretudo atrair a atenção do exigente público infantil. Fábulas, lendas e contos maravilhosos estão no repertório dos contadores convidados, que se inspiram na milenar arte da tradição oral para transmitir histórias com um toque de mágica.

 

Para esta quarta edição, o “Conte Outra Vez” convidou artistas contadores de Pernambuco; grupos musicais como o  Cordelândia (PE); oficina para o público adulto ministrada pela a atriz/contadora e integrante do grupo Os Tapetes Contadores de Histórias, Ilana Pogrebinschi (RJ), e no último dia, o lançamento do filme de animação Pedrinho e a Chuteira da Sorte , sucesso em livro e no teatro,  do jornalista Marcelo Cavalcante (PE).

 

No dia 9 (Sexta), o festival realiza uma maratona de contação das 14h às 16h, evento gratuito, voltado para alunos de escolas públicas da cidade onde participarão artistas contadores: Vinícius Viramundo, Adélia Oliveira; Flavioleta, Fada Cacholinha, com intervenções poéticas com Suzana Morais (Cordelândia, PE).

 

No sábado (10), a programação do festival se volta à formação e capacitação de novos contadores e interessados na arte de narrar histórias,  com uma oficina de 8 horas , das 9h às 17h, ministrada pela atriz e contadora carioca Ilana Pogrebinsch (Os Tapetes Contadores de Histórias, RJ) com o tema: “Da Palavra ao Conto” . Nesta oficina, Ilana  aborda diversos assuntos como: O papel do Contador de Histórias ontem e hoje; A voz e a relação com a palavra, escuta, canto e ritmo; Resgate de histórias pessoais e da tradição de diversos povos, etc. As inscrição estão sendo realizadas pelo email zumbaiar@uol.com.br até 25 de setembro. Valor do curso:   R$ 250,00 (Duzentos e cinquenta reais) com entrega de certificado ao final.

 

No dia 11 (Domingo), o festival encerra com mais Maratona de Histórias, das 14h às 18h. Abertura com a banda Cordelândia seguindo sequencia com os contadores pernambucanos: Jojoba; Adélia Oliveira; Mariane Bígio,  com lançamento do Filme “Pedrinho e a Chuteira da Sorte” do jornalista Marcelo Cavalcante e intervenções poéticas de Suzana Morais (Cordelândia, PE).

* Os ingressos, para este evento, serão vendidos nas lojas da livraria Vila 7, no valor de R$ 10,00 (preço único) a partir do dia 03/10.

 

Serviços:

Festival Conte Outra  Vez

Local: Pracinha Recife – Shopping Recife

Dia aberto ao público: 11/10/15

Horário: 14h às 18h

Ingresso: R$10,00

Ponto de venda: Loja Vila 7  do Shopping

Cordelândia no Village

Quem tem filhos e gosta de curtir ao lado deles sabe o valor que tem um lugar que ofereça atrações para toda a família, pois nós pais não conseguimos relaxar e curtir se as crianças também não estiverem se divertindo, não é mesmo?

 

Pois é, e eu estou sempre em busca de lugares que ofereçam diversão para os pequenos e aproveito para compartilhar com vocês aqui no blog…  Para quem chegou a pouco e não conhece, tem um post com link logo na abertura do blog com uma relação de restaurantes, bares e lanchonetes que possuem parquinhos ou algum tipo de atividade para as crianças, para conferir clique AQUI.

 

Mas voltando ao assunto, descobri recentemente, através de uma amiga que o Hotel Village em Porto de Galinhas além de atrações em sua estrutura tem um programa diferenciado de recreação para crianças.

 

E olha a informação que recebi, que legal!!!

 

cordelândia-3

 

“O Hotel Village Porto de Galinhas, que já vem apostando há tempos na recreação lúdica e pedagógica, continua procurando atividades que somem de fato para a vida dos hóspedes mirins. O hotel acaba de fechar uma parceria com a banda infantil Cordelândia, que neste Carnaval se consolidou definitivamente no cenário artístico infantil do Recife.  A banda assumirá toda a programação infantil da Semana Santa no hotel, de quinta à domingo. Das 14:00h às 17:00h acontecerão oficinas de cordel, teatro, música e poesia, uma atração diferente para cada tarde. Já à noitinha os pequenos hóspedes terão shows temáticos relativos à atividade realizada durante o dia, inclusive podendo dividir o palco com os artistas.

 

Outra atividade bacana, que volta ao hotel para a temporada no mês de julho, é o Circo da Trindade, focado nos saberes e tradições das famílias circenses. O grupo mantém parceria com o Village há dois anos, com muito sucesso. Eles costumam aportar no balneário nas férias de janeiro e julho, além dos grandes feriados, no mesmo formato que será a Cordelândia: oficinas de dia e espetáculos à noite.”

 

Adorei a proposta e como todos sabem somos fãs das meninas da Cordelândia!!! Então é isso, quem ainda não programou o feriadão da Semana Santa, esta é uma ótima opção!

I Festival de Música para Crianças

Esta semana tem novidades para a criançada de Recife, é o Primeiro Festival de Música para Crianças, que acontecerá entre os dias 17 e 19 de janeiro, na praça de eventos do Shopping Guararapes, com muitas atrações especiais e queridas pelo público.

 

Teremos a presença, simpatia e talento de: Mariane e Mila Bigio, Susana Morais e a banda Cordelândia, Fadas Magrinhas, A Bandinha, Vera Nóbrega e a sua Arca dos Livros, Banda MiniRock e muito mais.

 

Você não pode perder, confira a programação completa e se não puder ir todos os dias escolha o que mais lhe agrada e vá prestigiar, para que no próximos ele venha ainda mais recheado de coisas boas para nossos pequenos!

 

Serviços:

 

Evento: Festival de música para crianças

Local: Pátio de Eventos do Shopping Guararapes

Data: 17, 18 e 19 de Janeiro de 2014

Horário: Sexta e sábado das 15:00 às 19:00h e Domingo das 13:00h às 18:30h

Ingresso: GRATUITO!

OBS: Capacidade máxima: 250 pessoas. As senhas de acesso serão distribuídas no local, uma hora antes de cada apresentação. Cada criança só poderá estar acompanhada por um adulto.  Proibido entrar com bebidas ou alimentos.

I Mostra de Literatura e Juventude do Recife

Recebi a divulgação de uma Mostra de Literatura e Juventude aqui em Recife, inicialmente fiquei pensando, apesar de ser sobre literatura infanti juvenil, não é um evento para crianças. Fui me informar melhor e descobri que não: é sim um evento onde as crianças podem sim se encaixar em várias atividades e algumas são voltadas realmente para elas, principalmente os shows, que acontecerão no encerramento da Mostra. Então vale a pena conferir e para mais informações vocês podem entrar em contato com a equipe do Museu Murillo La Greca – 81. 3355-3126/81. 3355-3127/3355-3129.

 

 

11ºFestival Recifense de Literatura – A letra e a Voz

 

O Festival traz este ano, pela primeira vez atrações para os pequenos! Com a realização da I Mostra de Literatura para Infância e Juventude do Recife, uma aposta do festival na formação de leitores. De acordo com o curador Luciano Pontes, a programação infantil buscou uma sintonia com o que foi pensado para o público adulto no sentido de apresentar um panorama da produção contemporânea, só que através da evocação das imagens. “A literatura infantil é tão contemporânea quanto o próprio exercício da contemporaneidade. Há projetos gráficos voltados para a literatura infantil que são completamente modernos, que favorecem a leitura do livro de forma completamente diferenciada. Tentamos trazer essa diversidade que o livro infantil propõe, que é ter esse diálogo da narrativa visual, com a narrativa textual. Procuramos aprofundar o ilustrador como criador, pois muitas vezes ele é negligenciado, e temos que considerar a potência que a imagem tem no livro infantil”, disse Luciano.


A Mostra Infantil terá a exposição Sem Palavras, com ilustrações do pernambucano André Neves, bate-papos com ilustradores, debates e oficinas. Aberta ao público, ela envolve também crianças e adolescentes da rede pública de ensino, em parceria com a Secretaria de Educação, através do Programa Manuel Bandeira, e comunidades carentes, em parceria com a Rede Releituras, entidade da sociedade civil que congrega 10 bibliotecas comunitárias. Crianças dos bairros de Brasília Teimosa, Coque, Alto José Bonifácio e Mangueira vão participar de palestras e oficinas como convidadas.


Terá também a Festa do Livro – Encerrando a programação do Festival, a Festa do Livro se instala na Praça do Arsenal, que durante dois dias se transforma no Espaço Cultural João Cabral de Melo Neto. Nos dias 31 de agosto e 1º de setembro, a partir das 10:00h, editoras locais e livreiros da cidade mostram suas produções e circulam seus produtos para um público ávido por leitura e informação.

 

A abertura da Mostra será dia 17/08/13 às 10:00h no Museu Murillo La Greca com a exposição de ilustração SEM PALAVRAS, com originais das ilustrações do escritor e ilustrador pernambucano André Neves, radicado em Porto Alegre. As imagens são do livro Casulos publicado pela Global Editora. “No livro Casulos, André Neves utiliza técnica mista, com tinta acrílica, tempera e colagem sobre papelão para contar sem palavras uma história que abre várias possibilidades de leituras e essa é nossa maior intenção ao promover a exposição de ilustrações. Abrir espaços para perceberem que o livro de literatura infanto-juvenil acesse o imaginário de vários leitores, retirando o rótulo de ser uma literatura especificamente voltada para crianças. A literatura de boa qualidade não tem idade”, afirma Luciano Pontes.

 

A mostra ainda traz mesas de conversas com o ilustrador e escritor Odilon Moraes (SP) e Rosinha (PE) discutindo: “A imagem no livro e o livro de imagem” e também os editores Daniela Padilha (SP) e Rodrigo Neves (PE) para conversar sobre “A arte de editar ideias”. Encontros com os autores no momento Blá Blá com Ilustradores: Myrna Maracajá (PE), Tati Móes (PE) e Elma (PB). E também oficina de formação com a ilustradora e Designer Anelise Zimmermann abordando O desenho e designer no livro para infância numa programação para crianças, jovens, adultos e toda família fazerem juntos.

 

Confiram a programação completa e Boa Diversão:

 

17 de agosto de 2013


10:00h – Museu Murillo La Greca

Abertura da 1º Mostra de Literatura para Infância e Juventude e Exposição Sem Palavras, de André Neves (RS)

 

11:00h – Museu Murillo La Greca

Blá-Blá com o ilustrador

(Bate-papo sobre processo de criação e produção de desenhos com os ilustradores)

Convidado: André Neves (RS)

Mediação: Elma (PB)

 

14:00h – Museu Murillo La Greca

Blá-Blá com o ilustrador

Convidado: Elma (PB)

Mediação: Érica Verçosa (PE)

 

16:00h – Museu Murillo La Greca

Debate: O livro de imagem e a imagem do livro para infância

Convidados: Odilon Moraes – ilustrador e escritor (SP) e André Neves – ilustrador e escritor (RS)

Mediação: Rosinha (PE)

 

 

 18 de agosto de 2013


10:00h – Museu Murillo La Greca

Blá-Blá com o Ilustrador

Convidado: Tati Moés (PE)

Mediação: Roberta Ramos (PE)

 

14:00h – Museu Murillo La Greca

Blá-Blá com o Ilustrador

Convidado: Myrna Maracajá (PE)

Mediação: José Manoel (PE)

 

16:00h às 18:00h – Museu Murillo La Greca

Debate: a arte de editar ideias

Convidados: Daniela Padilha – Editora Jujuba (SP) e Rodrigo Neves – Editora Paés (PE)

Mediação: Hans da Nóbrega – Departamento de Designer CAC UFPE (PE)

 

 

 19 de agosto de 2013

 

14:00h às 18:00h – Museu Murillo La Greca

Oficina de formação: O desenho e o designer no livro para infância

Público-alvo: professores, artistas, editores, ilustradores

Orientação: Anelise Zimmermann (RS)

 

 

20 de agosto de 2013


14:00h às 18:00h – Museu Murillo La Greca

Oficina de formação – O desenho e o designer no livro para infância

Público-alvo: professores, artistas, editores, ilustradores

Orientação: Anelise Zimmermann (RS)

 

16:00h – Museu Murillo La Greca

Debate: Futebol, literatura e identidade cultural

Convidados: José Miguel Wisnik (SP)

Mediação: Marcelo Cavalcanti (JC)

 

 

 28 de agosto de 2013


15:00h – Museu Murillo La Greca

Oficina de editoração PARA CRIANÇAS (o processo de edição de livros)

Literatura na hora/Publique-se!

 

 

29 de agosto de 2013


15:00h – Museu Murillo La Greca

Literatura na hora/Publique-se!

Oficina de editoração PARA CRIANÇAS (o processo de edição de livros)

 

 30 de agosto  de 2013


15:00h – Museu Murillo La Greca

Literatura na hora/Publique-se!

Oficina de editoração PARA CRIANÇAS (o processo de edição de livros)

 


31 de agosto de 2013

 

A partir das 10:00h – Praça do Arsenal

Festa do Livro – Espaço Cultural João Cabral De Melo Neto

Cordel, livros raros, editores e autores locais se encontram numa festa dedicada à literatura e à leitura

 

 

16:00h – Praça do Arsenal

Cordel animado com Camila e Mila Bigio (PE)

 

 

1º de setembro de 2013

 

A partir das 10:00h – Praça do Arsenal

Festa do Livro – Espaço Cultural João Cabral De Melo Neto

Cordel, livros raros, editores e autores locais se encontram numa festa dedicada à literatura e à leitura

 

16:00h – Praça do Arsenal

Cordel animado com Camila e Mila Bigio (PE)

 

Às 17:00h - Torre Malakoff

Show infantil da Cordelândia (PE)

 

 

18:30h – Torre Malakoff

Show de Encanto e Poesia (PE)