Segurança no transporte

Coincidências da vida: recebi umas ilustrações sobre os tipos corretos de cadeiras e cintos de segurança para crianças em automóveis, confesso que ia guardar para postar mais na frente, mas foi quando li um texto que falava sobre a segurança nos bebês confortos… Não tive como, mudei de ideia e estou aqui postando e alertando para os cuidados que devemos ter constantemente com a segurança dos nossos filhos.

 

Na ilustração abaixo poderemos tirar algumas dúvidas, como idades, tipos de assentos, posições corretas…

 

 

Lembrem-se que o uso destas cadeirinhas é muito importante, não para evitar que você leve uma multa, mas para evitar que um acidente leve seu filho. Posso até estar parecendo dramática, mas é a realidade. Em caso de acidentes as crianças são as mais vulneráveis…

 

E ainda dentro da barriga, já devemos tomar alguns cuidados de segurança com nossos bebês. Vejam a forma correta que as grávidas devem posicionar o cinto de segurança.

 

 

Só reforçando: o bebê quando sair da maternidade já deve ir no bebê conforto. Mesmo que ele chore um pouco, garanto que com o tempo se acostuma e você ficará tranquilo sabendo que ele está seguro. Procure sempre produtos com o selo do INMETRO e em casos de acidentes é indicado trocar a cadeirinha.

 

E se seu filho mesmo grandinho ainda reluta para usar a cadeirinha, que tal fazer brincadeiras durante o tempo que passarem no veículo? Brinco com minha filha de procurar coisas na rua: procuramos carros coloridos, animais passeando, bicicletas, vale tudo que desperte o interesse do seu filho e frise sempre para ele que é importante para a segurança, assim como os adultos usam o cinto, as crianças também devem usar e com a cadeirinha, eles ficarão mais altos e podem ver o que se passa na rua…

 

E para os que pensam que a segurança no transporte das crianças resume-se aos veículos estão muito enganados. Muitos de nós também usam o bebê conforto para transportar o bebê e até deixá-lo lá por algum tempo… Mas não devemos esquecer os cuidados, nestes momentos também é necessário o uso do cinto de segurança. Confiram o texto extraído do Blog do Pediatra Dr. Fernando Azevedo:

 

“Em pouco tempo QUATRO acidentes de queda de bebês da caminha portátil, extremamente útil, mas que tem que ser usada corretamente. Causa do acidente: O não uso do cinto. O adulto por um movimento anormal inclina o bebê conforto e a criança rola, caindo de uma altura de mais ou menos um metro com enorme possibilidade de dano cerebral. Contando ninguém acredita, mas “vi com esses óio que a terra há de cumê”. Se desconfiar pergunte a minha secretária Chris e se desconfiar mais ainda peço aos amigos do face que façam o depoimento de como aconteceu. Realmente foi uma coisa inusitada, em toda a minha vida não vi nenhum e em aproximadamente dois meses vi QUATRO. Uma coisa que se deve ter cuidado é nunca colocar a cadeirinha no alto, em cima de uma mesa, cadeira etc.. Sempre no chão e não se preocupe se algum cachorro doméstico passar e lamber, cheirar etc. Pior e grave é a queda. Em um dos casos foi uma avó a causadora e imagine o desespero, o choro convulsivo de uma culpa que realmente não podia imaginar. NUNCA deixe a criança mesmo que em pequenos deslocamentos, ficar sem essa proteção. As sociedades de Pediatria tem em sua estrutura organizacional o comitê de acidentes na infância e cada dia mais surgem novas e inesperadas formas do acontecimento. Prevenir é melhor que remediar, já diz o velho adágio, mas é que o fato pode não ter remédio.”

 

Então é isso, a Dica do Dia é: Cuidado, cuidado e cuidado!!!

Faça Seu Comentário