Alimentação saudável nas férias

 

Rotina não combina com férias. E com a rotina alimentar não poderia ser diferente. Com os períodos sem aulas, a alimentação sofre algumas alterações. Dormir tarde, acordar mais tarde ainda, viagens, praia, piscina. Os pequenos tem acesso a alimentos diferentes, e costumam ficar mais propensos a abusar um pouco mais das guloseimas. Pensando em auxiliar mães e pais nessa batalha da alimentação saudável nas férias, pegamos umas Dicas com a nutricionista da Emagresee, centro de emagrecimento localizado no Parnamirim, Fernanda Araújo, e ela elencou algumas dicas importantes de como cuidar da alimentação dos miúdos durante as férias:

 

1  – “É importantíssimo respeitar o horários das refeições. Mesmo a criança acordando um pouco mais tarde, ou próximo ao horário do almoço, ela deve se alimentar ao menos com uma fruta”.

 

2 – Quase sempre a volta das férias é acometida por casos de gripes e resfriados. Para que não aconteça com o seu pequeno, a dica é aproveitar as frutas da época, que são os morangos, tangerina, caju e banana, que são boas fontes de vitamina C”.

 

3 – A hidratação é fundamental. Por isso, abuse de água, água de coco e sucos para manter as crianças hidratadas.

 

4 – Para controlar as frituras e guloseimas, Fernanda aconselha: “quando o menu pedir batata frita, opte por assar ao forno ou  Air Fryer, sem imersão em gordura. Já o cachorro quente, outro prato queridinho dos pequenos, prefira os feitos com carne moída e com poucos molhos.

 

Para refrescar, abra mão do sorvete tradicional e opte por picolés de frutas feitos com pedaços de fruta e água de coco ou iogurte.

 

Já o chocolate, a ingestão deve ser de 30g no máximo, e de preferência, 50% cacau.

 

Pipoca natural feita em casa, tá liberado”.

 

5 – Se a criança ainda estiver na fase de beber leite na mamadeira, opte por levar o pó do leite e da mistura em um potinho. “Se for levar uma fruta, opte por levá-la inteira e picar apenas na hora do consumo. Para crianças a partir de 01 ano não amassar as frutas, a mastigação é muito importante”, finaliza Fernanda.

 

E então, depois destas dicas, você acha que consegue melhorar a alimentação das rianças durante as férias? Acho que sim!

Faça Seu Comentário

  1. Aqui já sigo todas essas dicas, só a hidratação que estamos tendo problema. Samuel não bebe mais tanta água como antigamente, já suco de uva é só falar que ele já quer, mas como adoço, procuro não dar muito, senão ele quica até o teto por causa do açúcar kkkkk

  2. Ótimas dicas. Muito importante cuidar da alimentação sempre e principalmente nessa época de calor intenso. Comidas leves, naturais e que ajudem na hidratação é fundamental.
    beijos
    Chris

  3. Adorei as dicas, aqui nas férias acabamos não tem horário para dormir e acordar mas dentro dos horários respeitamos todas as refeições

    Bjs Mi Gobbato