Passeando em Família!

Hoje vou postar um texto que eu escrevi para o Blog Cantinho Pais e Filhos e espero que você gostem. E antes já aviso, que não é nenhuma crítica ao uso de jogos e tecnologias e sim um recadinho para que possamos também fazer isso, mas que o mais importante deve ser SEMPRE a as brincadeiras, as atividades físicas, os passeios e conversas em família…

 

 

 

Chega a ser engraçado o comportamento das famílias modernas, é claro que não podemos generalizar, mas com certeza uma grande parte dos pais vivem reclamando que seus filhos não desgrudam dos computadores, televisão, internet, videogames, celular e tantas outras tecnologias.Mas será que eles já pararam para pensar o porque disso? Será que este universo tecnológico e virtual é tão melhor do que todas as outras atividades oferecidas pelas famílias?

 

Aí é que está a questão: o que estes pais andam oferecendo de atrativo para seus filhos? Será que eles estão se preocupando em oferecer lazer e diversão mais diversificada para estas crianças? E não basta apenas oferecer, tem que participar e curtir COM eles.

 

É fácil reclamar dos pequenos e não olhar para nossas atitudes, quantas vezes nós mesmos ao invés de brincar e passear com nossos filhos ficamos grudados no computador ou no celular?

 

Adoro tecnologia, mas confesso que não faço a menor questão de apresentá-la à minha filha. Às vezes até me questiono se não estou transformando-a num “ET”, que aos 4 anos, não tem joguinhos eletrônicos, I-phoe, I-pad, Celular e quase nunca mexe no computador. Mas sempre chego à mesma conclusão: NÃO! Estou criando uma criança, que sabe aproveitar as pequenas coisas da vida, sabe dar valor à companhia das pessoas, aos brinquedos de sucata, que se encanta com um papel em branco e um monte de tinta e pincel. Que sabe o valor de várias letrinhas reunidas em torno de uma bela ilustração de um livro, de um “passo” no ritmo da música, do som de um instrumento ecoando em nossas vidas.

 

E acredito que todo este encantamento se deve, muito, pelo fato de desde muito pequena ela já estar sendo inserida em ambientes lúdicos, criativos e culturais.

Para algumas pessoas pode até parecer chato, tirar um dia para fazer uma programação exclusiva com os filhos, sim digo um dia inteiro só vocês (pais e filhos). Concordo que algumas vezes é cansativo, mas muito gratificante e prazeroso para todos.

 

Pare por um instante e pense: qual foi a última vez que você fez isso? Passeando, brincando, indo ao teatro, cinema, circo, parquinho, sem ficar olhando para o relógio e atendendo o celular?

 

Então fica a minha dica: Não precisa ser todos os dias,mas escolha um dia na semana, monte uma programação bem legal e se delicie na companhia dos seus filhos, e deixe que ele aproveite muito você também! Tenho certeza de que vocês adorarão e elegerão este, como o melhor dia da semana. Mais uma dica (adoro as dicas): monte a sua programação com antecedência e tente diversificar nas atividades, aceite sugestões e curtam muito!!!

 

Boa Diversão!

Faça Seu Comentário