Como organizar uma festinha infantil

crédito: pexels

 

Programar uma festa infantil pode ser um susto em comparação com o orçamento familiar. Bufês, comidas, bebidas, presentes e lembrancinhas podem ter cotações absurdas, apavorando os pais, que sempre querem proporcionar uma festa inesquecível para seus filhos. Porém, é possível, sim, organizar uma festinha infantil simples e barata!

 

Confira abaixo algumas dicas para se programar e para evitar quaisquer incidentes envolvendo a criançada.

 

Onde?

Fazer a festa infantil em casa é sempre a opção mais barata. Economizar com o aluguel de um espaço permite que haja uma verba maior para as comidas ou lembrancinhas. Alguns bufês oferecem festas mais em conta, que acontecem normalmente durante a semana, no período da tarde, e são exclusivamente para as crianças.

 

O que fazer?

Caso opte por fazer a festa dentro de casa, invista em brincadeiras artesanais, que os próprios pais possam monitorar: gincanas, jogos de tabuleiro, torneios de videogame ou até mesmo concursos de mímica são opções divertidas. Piqueniques também podem ser uma ótima opção, especialmente para o verão, e cada criança pode levar o seu prato favorito, para haver maior interação entre elas e entre os pais.

 

Como evitar acidentes

Pode parecer que não, mas acidentes podem muito bem acontecer em uma simples festinha infantil. Seja ter de descobrir como tirar chiclete da roupa ou do cabelo de uma criança, remover uma mancha de refrigerante ou bolo de chocolate, limpar cacos de um objeto que caiu no chão – os acidentes podem ser vários! Por isso, é sempre bom estar de olho nas crianças e ir controlando junto com os outros pais o que elas estão fazendo, tal como evitar que elas corram pela casa, comam sem guardanapo, não lavem as mãos depois de comer ou de fazer alguma atividade com tinta ou canetinha.

crédito: pexels

O que servir?

Escolher o cardápio também é uma das partes mais difíceis na hora de organizar uma festinha infantil simples e barata. A dica é investir na produção em massa. Cachorro-quente, coxinhas, esfihas e lanches de metro são uma opção financeiramente viável. Caso você opte por fazer tudo dentro de casa, que tal investir em pratos que rendem bastante e exijam pouco esforço, como massas, cupcakes e panquecas recheadas?

 

E as lembrancinhas?

Existem diversas formas de economizar na hora de preparar as lembrancinhas dos convidados. Além de procurar objetos em lojas de atacado, você pode investir em algumas ideias artesanais, para que a própria criança faça a sua lembrancinha. Confira aqui três ideias divertidas e baratas de artesanato. E as crianças ainda terão uma atividade recreativa durante a festa.

Faça Seu Comentário

  1. Dicas boas! Aqui vou fazer uma “festa infantil” e elas vão ser úteis, vou fazer dentro de casa mesmo pois outro espaço não tenho!

  2. Adorei as dicas. Festas em casa dão trabalho mas também dão prazer de fazermos tudo do jeitinho que temos certeza que as crianças vão gostar.

  3. Planejamento é tudo para o sucesso da festa, até porque sempre rolam imprevistos e se a gente está atenta aos detalhes, tudo fica melhor. É cansativo ir no handmade, mas compensa ver tudo lindo do jeito que a gente queria

  4. Adorei o post Re! Esse ano resolvi fazer no buffet pq o pequeno quer chamar todos os amiguinhos e aqui em casa não dá rs mas anotei todas as dicas :)

  5. Adorei o post, as duas últimas festas foram em casa uma no salão do prédio do meu pai e outra aqui em casa mesmo pois eram menos convidados. E deixei um espaço com tapete reservado no quintal com alguns brinquedos para eles se divertirem, comprei spray de cabelo, tatuagem provisórias, acessórios de festa (óculos,colar que brilha, entre outras) e foi uma diversão total

    Bjs Mi Gobbato

  6. Aqui em casa até hoje eu mesma organizei as festas das meninas, e olha que a Lara já tem quatro anos. Dá um pouco de trabalho mas eu acho tão gratificante.